Procurado
Informações que levaram à justiça…

Yasin al-Suri

Recompensa de até US$ 10 milhões

Ezedin Abdel Aziz Khalil, mais comumente conhecido como Yasin al-Suri, é um mediador sênior do al-Qaida no Irã. Yasin al-Suri foi preso pelas autoridades iranianas em dezembro de 2011 após o anúncio da oferta de Recompensa pela Justiça de US$ 10 milhões, mas voltou a liderar a rede do AQ’s do Irã.

Como mediador chefe do al-Qaida no Irã, Yasin al-Suri é responsável pela supervisão dos trabalhos do al-Qaida de transferência de operadores e líderes do Paquistão para a Síria, pela organização e manutenção das rotas pelas quais os novos recrutados podem viajar para a Síria via Turquia, e o auxílio na movimentação de operadores externos do al-Qaida para o Ocidente.

Al-Suri movimenta dinheiro e recruta pessoas através do Oriente Médio até o Irã e, em seguida, no Paquistão, para apoiar a liderança sênior da al-Qaida. As autoridades iranianas mantém um relacionamento com Al-Suri e têm permitido que ele opere dentro das fronteiras do Irã desde 2005.

O Al-Suri facilita o movimento dos recrutados pela al-Qaida desde o Golfo até o Paquistão e Afeganistão pelo Irã. Ele também é uma fonte de levantamento de fundos importante para a al-Qaida e arrecadou dinheiro de doadores e de campanhas de arrecadação de fundos em todo o Golfo. Al-Suri afunila fundos significativos via Irã para passá-los adiante para a liderança da al-Qaida no Afeganistão e Iraque.

Em trabalho junto com o governo iraniano, al-Suri consegue a libertação do pessoal da al-Qaida das prisões iranianas. Quando os agentes da al-Qaida são soltos, o governo iraniano os transfere para al-Suri, que então facilita a viagem deles para o Paquistão.

Mais Fotografias

Yasin al-Suri