Atos de Terror
Informações sobre …

Atentado a bomba na Universidade Hebraica

Jerusalém | 31 de julho de 2002

Em 31 de julho de 2002, uma bomba explodiu na cantina da Universidade Hebraica em Jerusalém. A explosão matou nove pessoas, entre elas cinco norte-americanos, e feriu 85. Os perpetradores agiram sob ordens dos líderes do Hamas, organização islâmica fundamentalista da Palestina que opera nos territórios palestinos.

O programa Recompensas para a Justiça oferece recompensa de até US$ 5 milhões em troca de informações que levem à justiça os responsáveis por este ataque.