Procurado
Informações que levaram à justiça…

Abdul Rahman Yasin

Recompensa de até US$ 5 milhões

Abdul Rahman Yasin ajudou diretamente o planejador terrorista Ramzi Ahmed Yousef a executar o atentado a bomba de fevereiro de 1993 contra o World Trade Center, na cidade de Nova York. Yousef e Yasin conduziram uma perua carregada de explosivos ao subsolo do World Trade Center, matando seis pessoas e ferindo mais de mil. Yasin fugiu dos Estados Unidos imediatamente após o ataque para evitar a prisão.

Após o atentado a bomba, a polícia obteve provas que levaram à denúncia e prisão de vários terroristas suspeitos de envolvimento no atentado, entre os quais Yasin.

Yasin nasceu nos Estados Unidos, mudou-se para o Iraque durante os anos 1960 e retornou aos EUA no final de 1992. É portador de passaporte norte-americano.

O indivíduo da lista acima foi acusado dos seguintes crimes:

Causar danos por meio de incêndio ou explosivos; causar danos por meio de incêndio ou explosivos a bens dos EUA; transporte interestadual de explosivos; destruição de veículos automotivos ou de suas instalações; formação de quadrilha para praticar crime ou fraude contra os EUA; ajuda na prática de um delito; pena de morte ou prisão perpétua quando resultar em morte; ataque a um oficial federal enquanto este cumpria seu dever; e prática de crime de violência com o uso de arma ou dispositivo letal.

Foto adicional

Abdul Rahman Yasin